sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Caern emite nota sobre falta de água em Angicos e mais sete cidades atendidas pela adutora Sertão Central-Cabugi.














Em nota que foi postada no site oficial da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (CAERN), assinada pelo jornalista Paulo Freire que é o assessor de comunicação social da empresa, relata os motivos que levaram a interrupção no fornecimento do precioso liquido em nossa cidade, como também em outras 7 cidades que são atendidas pela adutora sertão central-cabugi.

Vamos acompanhar na integra o conteúdo na nota oficial da estatal responsável pelo fornecimento de água em nosso estado:

A estiagem tem provocado sucessivas dificuldades de abastecimento. Nos últimos dias, o Canal do Pataxó, que é responsável por trazer água da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves para a adutora Sertão Central-Cabugi, está com o volume muito baixo, dificultando que a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) capte água.

Além disso, na noite desta quarta-feira (09), a adutora se rompeu entre Angicos e Lajes, devido à quebra de um pilar de sustentação que cedeu. A empresa trabalhará durante o dia de hoje no conserto. Devido a esta dificuldade, a adutora, que atende aproximadamente 45 mil pessoas nos municípios de Angicos, Pedro Avelino, Lajes, Pedra Preta, Riachuelo, Fernando Pedroza, Caiçara do Rio dos Ventos e Jardim de Angicos, além de 32 comunidades rurais, está paralisada, devendo retomar o fornecimento até o fim de semana com volume reduzido. A Caern instalou mais uma bomba no sistema junto a um gerador, no intuito de ampliar a vazão.

A empresa trabalha também para instalar uma nova tubulação. Contudo, com o agravamento da seca, o fornecimento de água através do sistema fica cada dia mais difícil. A Caern solicita que a população utilize água de forma racional, buscando prolongar o uso da água disponível.
fonte do blog de angicos news