segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Fernando Mineiro: 'Caern não pode servir para tampar rombo do Estado', diz deputado


O deputado estadual Fernando Mineiro (PT) se posicionou contra a proposta do desembargador Cláudio Santos, presidente do Tribunal de Justiça do RN, que sugere a venda da Companhia de Águas e Esgotos do RN (Caern) para equilibrar as contas do Estado.
Pelo seu perfil no twitter, o parlamentar atestou: “A quem interessar possa: sou totalmente contrário à proposta de venda da Caern, feita pelo presidente do TJRN”.
O registro do fato é feito pelo portal Agora RN nesta segunda-feira (28).
Segundo o parlamentar, a “Caern é uma empresa que atua em uma área fundamental que é do abastecimento d'água e o esgotamento. Funções do Estado”.
Para Fernando Mineiro, a privatização do fornecimento d'água já foi tentada em outros Estados no passado recente e foi rechaçada.
“A Caern tem a concessão dos municípios. No caso de Natal, por exemplo, caso a Caern seja privatizada, ela perde a concessão do município. Esta proposta é inviável. Um ativo como o da Caern não pode servir para tampar rombo do Estado”, destacou.
Em entrevista à Tribuna do Norte, domingo (26), o desembargador Cláudio Santos sugeriu a venda de ativos do Estado, entre os quais empresas públicas — como a Caern —, terrenos ou outros órgãos que poderiam ser privatizados.
fonte do blog de deusdeth mauricio