quarta-feira, 9 de setembro de 2015

PROJETO DE REUSO DE ÁGUA em Lajes é destaque no estado



Em parceria com o município de Lajes, na região central potiguar, o SENAR RN está desenvolvendo um sistema integrado de reuso de águas cinza na produção de forrageiras para a alimentação animal e na hortifruticultura.

A ideia é iniciar esse projeto na zona rural do município por 20 produtores do Programa Sertão Empreendedor. O Programa é supervisionado pelo zootecnista Josima Torres e coordenado Kallyo Moura (SEBRAE-RN) e Diego Holanda, gestor do projeto pelo SENAR.

Educador do Senar RN desde 2010, o zootecnista Josimar Torres Gomes, Doutor em produção animal, criou uma tecnologia extremamente barata para reuso de águas cinza na produção de forrageira inspirado no Projeto Bioágua Familiar, coordenado pela Assessoria, Consultoria e Capacitação Técnica Orientada Sustentável (ATOS).

Ele calcula que em relação ao sistema desenvolvido pela ATOS o custo da adaptação criada por ele representará uma redução de custo final ao produtor entre R$ 7 mil a R$ 11 mil, saindo de R$ 12 mil a R$ 10 mil para algo ao redor de R$ 1.900 a R$ 2 mil. Um projeto piloto foi implantado na fazenda do produtor rural Victor de Lima, em Lajes, dedicada à produção de ovinos, suínos e aves (foto).
fonte do blog robson cabugi