segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

EMPARN diz que chuvas entre dezembro e janeiro não garantem bom inverno

Foto: Josemário Alves



A última segunda-feira de 2015 está sendo de chuvas em vários municípios do interior do Rio Grande do Norte. No entanto, as precipitações que têm ocorrido neste mês de dezembro não significam boas chuvas nos meses de fevereiro a maio de 2016 – considerado período chuvoso no estado.

A informação foi confirmada pela Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn), através do meteorologista José Uelington Pinheiro.

De acordo com Pinheiro, “o período chuvoso é de fevereiro a maio, acontece que devido ao fenômeno El Ñino bastante intenso neste período, as chuvas devem ficar abaixo do normal e serão mal distribuídas na região”.

Pinheiro confirma que janeiro deve registrar chuvas no Estado. “No entanto, elas não querem dizer que o período previsto para ser chuvoso registre boas chuvas, não é uma notícia muito animadora”, afirma.

De acordo com a EMPARN, a presença do El Niño no Oceano Pacífico, entre fevereiro e maio de 2016 implica que as temperaturas máximas no interior deverão variar entre 36ºC e 37ºC, dependendo da região. As temperaturas mínimas oscilarão entre 24ºC a 26ºC na capital e no interior.

Na Grande Natal as temperaturas máximas devem ficar 1ºC acima do normal. São esperadas neste período temperaturas máximas de 32ºC a 33ºC.

Nesta segunda-feira (28), estão sendo registradas chuvas em Mossoró, Tibau, Grossos, Areia Branca, Baraúna e Governador Dix-sept Rosado, na região Oeste potiguar.

Durante a última semana ocorreram chuvas isoladas em algumas localidades do Estado. As chuvas se concentraram mais sobre as regiões do Médio Oeste, Seridó e Alto Oeste, com índices que variam entre 30 e 70mm.

Essas chuvas foram ocasionadas pela atuação de um Vórtice Ciclônico de Ar Superior (VCANS), e devido às águas mais quentes no Oceano Atlântico Sul liberarem mais umidade, as instabilidades desse sistema conseguiram produzir boas chuvas, mesmo que de forma isolada.

Para o ano Novo, as chuvas deverão continuar ocorrendo no interior, com maior intensidade ao longo da faixa litorânea leste.
fonte do site mossoro hoje