quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Boletim: Estado do RN tem 52 casos confirmados de microcefalia segundo novo levantamento oficial


Foto: Reprodução
O novo boletim epidemiológico divulgado pelo Ministério da Saúde, nesta quarta-feira (20), indica que aumentou o número de casos suspeitos de microcefalia no RN, passando para 188 – no informe do último dia 12, eram 181.
Em todo o Brasil, agora são 3.893 ocorrências, observa informação da página eletrônica da Tribuna do Norte.
Do total notificado, 224 casos tiveram confirmação de microcefalia (52 no RN), seis confirmaram a relação com o vírus Zika (quatro no RN) e outros 282 foram descartados (11 no RN).
Continuam em investigação 3.381 casos suspeitos de microcefalia (121 no RN).
Ao todo, foram notificados 49 óbitos por malformação congênita.
Destes, seis foram confirmados para a relação com o vírus Zika.
Além dos quatro casos do RN, um feto foi diagnosticado no CE e outro em MG.
Esses resultados somam-se às demais evidências científicas obtidas em 2015 e reforçam a hipótese de relação entre a infecção pelo vírus Zika e a ocorrência de microcefalia e outras malformações congênitas.
De acordo o informe publicado hoje, o estado de PE continua com o maior número de casos suspeitos (1.306), o que representa 33% do total registrado em todo o país.
Em seguida, estão os estados da PB (665), BA (496), CE (216), RN (188), SE (164), AL (158), MT (134) e RJ (122).
As notificações foram registradas até 16 de janeiro e ocorreram em 764 municípios de 21 unidades da federação.
O boletim aponta o detalhamento dos casos confirmados e descartados.
fonte do blog de pauta aberta