terça-feira, 15 de março de 2016

Seminário Nacional sobre a Seguridade e a Previdência Social Rural e lançamento da Frente Parlamentar da Previdência Social Rural












Acontece durante toda essa terça-feira(15 ), em Brasília-DF, o Seminário Nacional sobre a Seguridade e a Previdência Social Rural, onde também é lançada a Frente Parlamentar da Previdência Social Rural, em Brasília-DF.



O Seminário realizado pela CONTAG, tem como objetivo promover e ampliar o debate sobre a Previdência Social Rural e os impactos dessa política pública no contexto socioeconômico das famílias do campo.



Vale destacar que a Agricultura Familiar desempenha um papel estratégico para a soberania e a segurança alimentar no Brasil. Assim, a Previdência Social Rural tem um papel importante no estímulo à produção de alimentos pelas unidades produtivas, além de auxiliar e amparar as famílias rurais em diversas situações, especialmente em casos de emergência (em função de períodos de estiagem ou calamidade por excessos de chuvas).



Para o conjunto do Movimento Sindical dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (MSTTR) a Política da Previdência Social não pode ser analisada apenas sob viés cujo recorte enfoca as despesas com os benefícios rurais e as receitas provenientes das contribuições previdenciárias dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais.

A Previdência Social Rural também precisa ser analisada pela importância que tem como política eficaz de distribuição de renda e que fomenta o desenvolvimento no campo brasileiro. Vale destacar que os benefícios previdenciários pagos mensalmente aos Trabalhadores(as) movimentam a economia de milhares de municípios. Em mais de 70% dos municípios, o volume de recursos provenientes da Previdência Social é superior ao que recebem do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).
FONTE: Assessoria de Comunicação CONTAG - Barack Fernandes