sábado, 19 de novembro de 2016

Prefeituras brasileiras receberão neste decêndio quase R$ 650 milhões de FPM, revela CNM




O segundo repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) deste mês de novembro será de R$ 649 milhões e cairá nas contas das prefeituras nesta sexta-feira (18).

O montante já desconta a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Se incluso o valor retido, o FPM chega a R$ 811,3 milhões, projeta informação da página eletrônica da Confederação Nacional de Municípios (CNM).

Em termos nominais, sem considerar os efeitos da inflação, o segundo repasse de novembro foi 31,8% maior quando comparado com o mesmo período do ano passado.

Ao pesar os impactos inflacionários nos cálculos, o segundo decêndio deste mês apresenta uma queda de 23,42%, revela a área de Estudos Técnicos da CNM.

No acumulado de novembro de 2015, os municípios brasileiros receberam R$ 4,43 bilhões de FPM quando somados os dois primeiros decêndios do mês.

Este ano, o acumulado chega a R$ 9,19 bilhões, pois inclui R$ 4,68 bilhões dos recursos obtidos com a repatriação de recursos no exterior.

A entidade lembra os gestores municipais que o FPM soma, ao longo de 2016, R$ 78,13 bilhões frente aos R$ 71,36 bilhões recebidos no ano passado.

O aumento de 9,49% leva em conta apenas os valores nominais.

Os reflexos da inflação foram minimizados em 2016, devido aos recursos da repatriação.

fonte do blog de angicos news